7 Tendências para as Estratégias de Marketing Digital em 2017

estratégias de marketing digital

7 Tendências para as Estratégias de Marketing Digital em 2017

As estratégias de marketing digital ganharam muita força nos últimos anos, devido ao aumento exponencial do número de pequenas e médias empresas presentes na web, e principalmente em decorrência do boom tecnológico, que definitivamente nos fez entrar em uma era mobile e hiperconectada.

Essa nova era expandiu as oportunidades de negócios, abriu novos canais de divulgação e relacionamento entre empresas e consumidores, e mudou completamente a trajetória no processo de compra.

E com o crescimento do número de pessoas que têm acesso à internet hoje, que em sua maioria já o fazem através de dispositivos móveis, faz com que as estratégias de marketing digital se tornem parte fundamental para o crescimento e desenvolvimento de empresas de todos os portes.

Por isso, a tendência é que as pequenas e médias empresas cada vez mais se façam presentes no meio digital, para que possam se adequar a essa nova realidade comunicacional, e quem sabe alcançar um lugar de destaque nas mídias digitais.

O marketing digital está em constante aperfeiçoamento, sempre em busca de melhores resultados.

Por isso, eu analisei e criei uma lista com 7 tendências que devem ser levadas em consideração nas suas estratégias de marketing digital em 2017, para que você consiga alavancar o seu negócio na internet.

 

#1 Mobile – Dispositivos móveis

 

estratégias de marketing para mobile

Desde que o número de acessos à internet através dos dispositivos móveis ultrapassou os acessos via desktops, isso lá em 2014, o Google começou a priorizar nos resultados de suas buscas sites que proporcionam uma melhor experiência para o usuário ao serem acessados através de dispositivos móveis, em oposição aos sites que não estiverem adequados a esta nova realidade e que por isso perderão posições nos resultados das buscas orgânicas do Google.

Algumas características como o tempo de carregamento das páginas, a navegabilidade, o tamanho das informações, entre outras tantas variáveis, também são levadas em consideração como fatores de ranqueamento nas buscas do Google e por isso se tornaram imprescindíveis nas estratégias de marketing digital e SEO.

Portanto, uma das principais tendências daqui para frente é que as estratégias de marketing digital como um todo sejam cada vez mais voltadas para o mobile, ou seja, não apenas os sites precisam ser pensados para adequar a essa nova realidade, mas também toda a estratégia de marketing digital da empresa.

Sendo assim, preocupe-se com os melhores formatos para cada tipo de conteúdo, a derivação das peças gráficas para se adequar aos padrões das diferentes mídias sociais, o tamanho das informações que serão acessadas por dispositivos móveis, e assim por diante.

 

Integração entre canais físicos e online

 

Outra forte tendência que deve passar a ser mais utilizada em 2017 é a integração entre os diferentes canais de contato entre empresas e consumidores, como lojas virtuais e físicas, por exemplo.

A grande vantagem nesse tipo de estratégia é a integração do estoque entre lojas virtuais e físicas, que permitirão o cliente comprar online dentro da própria loja física — quando o preço do mesmo produto online estiver mais baixo do que na loja — e já retirar o produto ali mesmo, sem a necessidade de pagar pelo frete ou esperar pela entrega.

 

SEO local

 

E por último, mas não menos importante, é o SEO local, que também deve ser muito explorado nas estratégias de marketing digital para os negócios locais, pois leva em consideração justamente a localização do usuário no momento do acesso.

 

#2 Redes sociais

 

estratégias de marketing nas redes sociais

As redes sociais são as grandes responsáveis pelo crescimento do marketing digital nos últimos anos e continuam fazendo grandes avanços nesta direção, pois tornaram-se um dos principais canais de divulgação, atendimento e relacionamento, entre empresa e clientes.

Pode-se dizer que na atualidade elas são peças fundamentais para as estratégias de marketing digital, pois possuem um potencial incrível, tanto em possibilidades, quanto em alcance, fazendo com que figurem como uma das principais tendências para 2017.

Para se ter ideia, o Facebook, que é maior rede social do mundo, conta com aproximadamente 100 milhões de usuários só no Brasil, ou seja, cerca de 50% da população brasileira já está presente na rede social. E esse número só tende a crescer ainda mais.

Por esse e por outros motivos, estar presente na redes sociais já deixou de ser tendência há muito tempo e hoje se tornou uma peça fundamental para as estratégias de marketing digital, e as empresas que não enxergam isso, estão desperdiçando todo o potencial das redes sociais.

 

Snapchat e Instagram Stories

 

Para algumas marcas, principalmente aquelas que atingem públicos mais jovens, o Snapchat e o Instagram Stories também são fortes tendências para as estratégias de marketing digital, pois são ferramentas que aproximam os consumidores e os mantêm mais tempo conectados.

Após a popularização do Snapchat, que é um aplicativo mobile que estimula a postagem de vídeos curtos e imagens que ficam disponíveis apenas temporariamente, o Instagram também resolveu pegar carona e criou o Instagram Stories com o mesmo objetivo.

Aliás, o engajamento dos usuários no Instagram é cerca de 10 vezes maior do que no Facebook e 54 vezes maior do que no Twitter, sem contar que as postagens, pelo menos até o momento em que eu escrevo este texto, alcançam organicamente 100% dos seguidores de um perfil.

 

SEO – Conteúdo e menções nas redes sociais

 

Outra forte tendência nas estratégias de marketing digital para este ano, inclusive já citada pelo Google, é a indexação do conteúdo e das menções nas redes sociais, que passarão a ser consideradas como um fator de ranqueamento para os resultados das buscas orgânicas em seu mecanismo.

Portanto, não será mais suficiente apenas otimizar o seu site e o seu conteúdo, mas também será preciso engajar e fazer um bom trabalho nas mídias sociais para que seja possível impactar positivamente o SEO geral do seu site.

 

#3 Marketing de conteúdo

 

estratégia de marketing de conteúdo

Em meio ao boom tecnológico em que nos encontramos, onde as pessoas estão cada vez mais conectadas e sendo diariamente bombardeadas com uma quantidade de conteúdo jamais vista na história, podemos afirmar que a internet já não suporta mais conteúdos ruins ou medianos.

Na verdade, esse tipo de conteúdo vai continuar existindo em algum lugar da internet, mas não vai ser encontrado pelos mecanismos de busca e, consequentemente, não vai ser acessado por ninguém, pois quando se trata de conteúdo, qualidade é muito mais importante que quantidade.

E não apenas os mecanismos de buscas estão dando prioridade a conteúdos e sites otimizados, mas as pessoas também estão mais exigentes e seletivas, dando mais atenção a conteúdos diferenciados, que entreguem mais valor.

E é aí que entra o marketing de conteúdo, que é também uma das peças fundamentais nas estratégias de marketing digital, e sem dúvida nenhuma continuará se destacando em blogs, e-mails marketing, e-books, infográficos e, é claro, nas mídias sociais.

Outro ponto que não pode ser esquecido quando falamos em conteúdo de valor, diz respeito ao visual, pois como falamos neste artigo, o design também tem um papel fundamental nas estratégias de marketing digital e por isso deve manter o mesmo padrão de qualidade do conteúdo textual, de modo a atrair visualmente a atenção do consumidor, instigando-o a querer consumir tal conteúdo.

Portanto, ao invés de criar apenas conteúdo destinado à venda — que na maioria dos casos não funciona — crie conteúdo de valor e relevante ao seu público-alvo, que informe e ensine algo a essas pessoas, de modo que possa ajudá-los de alguma maneira, ou que seja capaz de entretê-los.

O importante é cativar o seu público, seja através de artigos em blogs, e-books, infográficos, vídeos, ou qualquer outro tipo de conteúdo, de modo que isso construa uma imagem positiva do seu negócio, posicionando-o como uma referência no assunto, o que consequentemente conquistará a confiança dos consumidores e tornará mais fácil a venda dos seus produtos e/ou serviços.

 

#4 Conteúdo em vídeos

 

conteúdo em vídeos

Desde 2015 os vídeos vem se destacando nas estratégias de marketing digital, e com os números de visualizações e engajamento alcançando níveis elevados, com taxas de conversão acima de qualquer outra mídia, a tendência é que esse formato de conteúdo continue sendo cada vez mais explorado pelas empresas, principalmente nas mídias sociais.

Esse tipo de conteúdo, além de um forte apelo junto ao público devido a capacidade de apresentar uma grande quantidade de informações de uma maneira mais rápida e envolvente, é também mais fácil de ser consumido e compreendido pelo público, devido aos recursos visuais que auxiliam na transmissão da mensagem

O Facebook já prioriza conteúdos em vídeo e deve continuar dando prioridade a esse tipo de conteúdo nos próximos anos. E para se ter ideia do poder dos vídeos, o Youtube só fica atrás do Google em número de pesquisas na internet. Portanto, criar conteúdo nesse formato pode trazer grandes benefícios por esse canal também.

 

Formato de vídeo na vertical

 

Em decorrência dos dispositivos móveis, uma forte tendência daqui para frente serão os vídeos em formato vertical, muito comuns no Snapchat e no Instagram Stories, e que provavelmente comecem a ganhar espaço em outras mídias sociais.

 

Live video – Transmissões ao vivo

 

As transmissões ao vivo também tendem a ficar cada vez mais populares, principalmente através da plataforma do Facebook Live, visto que não necessitam de grandes produções, geram um grande número de interações em tempo real e criam uma relação mais próxima entre o público e os interlocutores, ou influenciadores.

Hoje em dia, já é possível acompanhar palestras, conferências e muitos outros eventos através deste recursos, e entre as suas vantagens, destacamos o grande alcance que ele possibilita, a autenticidade que ele transmite, e a possibilidade das pessoas interagirem com os interlocutores e influenciadores de forma ágil e em tempo real.

 

#5 Conteúdo personalizado e segmentação

 

conteúdo personalizado e segmentação

Outra grande tendência para as estratégias de marketing digital para 2017 é a personalização de conteúdos e a segmentação, e isso influenciará não só o relacionamento entre as empresas e os consumidores, como também a maneira como são ofertados os produtos e serviços.

O conteúdo deve ser cada vez mais específico e focado para cada persona, pois os consumidores querem empresas que se mostrem preocupadas com eles, entendendo as suas necessidades e lhes entregando conteúdos de valor.

Não basta, por exemplo, fazer um e-mail genérico e disparar para toda a sua lista de contatos, porque isso não vai funcionar. Portanto, além da qualidade, invista também na personalização do conteúdo e faça a segmentação correta, para que a taxa de abertura do e-mail seja maior, o que consequentemente trará resultados melhores para a sua estratégia.

Por exemplo, se um usuário se cadastrou em uma landing page que oferecia gratuitamente um e-book falando sobre Facebook Marketing, ele precisa receber e-mails que tenham conteúdo referente ao marketing no Facebook, diferente de um outro usuário que tenha se cadastrado em uma landing page que falava sobre sites, e que deverá ser alimentado com conteúdo referente a sites.

E essa tendência, que já vem sendo aplicada de maneira efetiva nas estratégias de e-mail marketing – que também continuarão sendo um canal importantíssimo para o sucesso das estratégias de marketing digital de muitas empresas – não limita-se apenas a este canal, mas também deve ser levada em consideração nos anúncios em mídias sociais e também no Google.

A boa notícia é que hoje existem diversas ferramentas, pagas e gratuitas, que possibilitam monitorar quase todos os “passos” e comportamentos dos consumidores dentro de uma estratégia de marketing digital, e essas informações já nos permitem criar soluções bem acessíveis para a personalização de conteúdos e ofertas.

 

#6 Automação de marketing

 

automação de marketing

Com tantos canais e mídias sociais existentes hoje em dia, tornou-se muito útil também — principalmente para as agências de marketing digital — a utilização de plataformas que automatizam a entrega e a postagem de conteúdos digitais, e essa automação continuará sendo uma tendência cada vez mais utilizada nas estratégias de marketing digital em 2017.

Através de uma plataforma de automatização de conteúdo, você consegue programar a publicação de artigos em blogs, as postagens nas redes sociais e também a entrega automática de e-mails marketing personalizados de acordo com o interesse e/ou a jornada de compra do cliente.

Além disso, você também consegue verificar os contatos, o número de visitas, e tem acesso a uma série de métricas e informações importantes para as tomadas de decisão da sua estratégia.

 

Social Bots – Inteligência artificial

 

Esse recurso tem tudo para se tornar outra forte tendência para as estratégias de marketing digital de diversas empresas, e está cada vez mais ganhando espaço nas redes sociais, já tendo sido incorporada pelo Facebook Messenger e também pelo Twitter.

O social bot é programado pela própria empresa de acordo com as perguntas e dúvidas mais frequentes dos seus consumidores, reproduzindo conversas automatizadas com os usuários que entram em contato através de chats, enviando-lhes respostas e links ou fazendo novas perguntas.

No Facebook Messenger, por exemplo, o social bot começou a ser utilizado ano passado, e com ele você consegue programar respostas para sua fanpage, sendo muito útil nos casos em que você esteja off-line e não possa responder prontamente, pois assim, é possível enviar respostas rápidas aos usuários que entrarem em contato através da sua página, garantindo uma maior automação dessa mídia social e, se necessário, possibilitando uma resposta mais adequada quando estiver online.

 

#7 Links patrocinados

 

links patrocinados ads

Uma estratégia de marketing digital que realmente tenha como foco a conversão, precisa de investimentos em links patrocinados — e isso é fato — pois é isso que vai garantir que o seu anúncio seja entregue para mais pessoas, potencializando todos os esforços anteriores na busca de novas oportunidades para o seu negócio.

Portanto, a tendência é que o investimento em links patrocinados seja ainda maior nas estratégias de marketing digital em 2017, tanto em Google Adwords, quanto em Facebook Ads, uma vez que a disputa por espaço deverá aumentar no ambiente digital e que o alcance orgânico provavelmente continue diminuindo.

Posso dizer que pouco adianta você seguir todas as dicas anteriores e deixar esta última dica de lado, assim como pouco adianta apenas investir em links patrocinados, sem investir nos itens anteriores.

É como se cada uma dessas tendências fosse uma das peças que compõe o todo, e por isso cada peça precisa estar em seu devido lugar para que a máquina funcione perfeitamente.

 

Remarketing ou Retargeting

 

Dentro da tendência crescente na utilização dos links patrocinados, está o remarketing — também conhecido como retargeting — que é um recurso que ajuda a alcançar usuários que já visitaram o seu site, marcando-os com um cookie que fica gravado em seus navegadores.

Essa marcação passa a exibir com mais frequência o anúncio de produtos que um usuário tenha demonstrado interesse ao visitar determinado site.

O remarketing faz com que o histórico de navegação do usuário seja, sem dúvida nenhuma, um dos melhores indicadores de interesse a serem considerados nas estratégias de marketing digital, trazendo talvez o melhor retorno sobre investimento da atualidade.

No caso do Google, estes usuários podem ver os seus anúncios nos resultados das buscas do Google, quando pesquisam termos relacionados com os seus produtos ou serviços, ou então através de banners, a medida em que navegam em outros sites, blogs e portais da internet, que fazem parte do programa de afiliados da Rede de Display do Google.

Já no caso do Facebook, ao utilizar um código que você adiciona em seu site (conhecido como Pixel do Facebook), você consegue exibir anúncios dentro do próprio Facebook, para os usuários que visitaram o seu site e demonstraram interesse em algum dos seus produtos.

 

Considerações finais

 

O marketing digital está em constante evolução, tornando-se a cada dia mais amplo e concorrido, e exigindo cada vez mais conhecimentos e habilidades em diversas áreas, além de uma atualização constante, uma vez que no meio digital as coisas mudam da noite para o dia, sem aviso prévio.

Em virtude disso, é fundamental contratar os serviços de uma empresa especializada, que consiga suprir de maneira eficiente todas as suas necessidades, em busca de um melhor desempenho para o seu negócio no mundo online, caso contrário, será apenas tempo e dinheiro jogados fora.

Espero que estas dicas de tendências, ou pelo menos algumas delas, o ajudem a elaborar as suas estratégias de marketing digital para 2017, e que você consiga alavancar ainda mais o seu negócio com as mídias digitais.

E aí, pretende investir em quais destas tendências em 2017?

Deixe seu comentário abaixo e boa sorte neste ano que se inicia!

Até o próximo artigo!

Clique para solicitar um orçamento!

Comentários

Comentários